Estimulação magnética transcraniana no tratamento do transtorno bipolar
Roni Broder Cohen
http://emtr.com.br/artigos/EMTr%20BIPOLAR.pdf

INTRODUCAO
A Estimulação Magnética Transcraniana
(Transcranial Magnetic Stimulation ? TMS) é uma técnica de
abordagem e tratamento de desordens neuropsiquiátricas
que permite a exploração, ativação ou inibição das funções
cerebrais, de maneira segura, específica, não invasiva e
indolor. Introduzida por Barker, em 1985, o método consiste
em atingir o cérebro de forma dirigida, através de pulsos
magnéticos sobre o crânio, os quais, atravessando os tecidos,
geram uma fraca corrente elétrica capaz de provocar
alterações na atividade das células nervosas. Quando uma
determinada região do córtex cerebral é estimulada, a área
motora, por exemplo, os músculos do corpo referentes
àquela região apresentam sinais elétricos ou movimentos
perceptíveis, podendo-se assim ?mapear? o cérebro através
das respostas fisiológicas resultantes da estimulação
magnética.


CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O ARTIGO COMPLETO EM PDF


Voltar

 

Eletromagnetismo

Bioeletricidade
em Psiquiatría